M

sábado, abril 20, 2013

FALTAVA UM DIA NO UNIVERSO; MAS A BIBLIA EXPLICOU.


                                         




Cientistas da NASA, Agência Espacial Norte-Americana, em Green Belt, Marland, dedicaram-se a uma exaustiva pesquisa, com o uso dos mais modernos recursos da informática, para estabelecer a posição exata do Sol, da Lua e dos diversos planetas do nosso sistema solar.
Envolvidos nessa pesquisa, puderam presenciar uma descoberta fantástica: FALTA UM DIA NO UNIVERSO! Eis como tudo aconteceu: os engenheiros da NASA colocaram os dados no computador para que determinasse a exata posição dos astros, tanto no passado quanto no futuro, e então surgiu um impasse: o computador interrompeu o programa e apareceu na tela um aviso de que havia algo errado nos resultados que lhe serviram de base para os cálculos.
Os engenheiros de informática foram imediatamente chamados para a verificação de um defeito e, após cuidadoso exame de toda a rede, garantiram que estava tudo em ordem. Foi então que um membro de nossa equipe, evangélico, lembrou-se que Josué ordenara que o Sol parasse. Ninguém acreditou, pois todos éramos cientistas, acostumados a fatos concretos, e o desafiamos a provar o que dizia. Ele pegou a Bíblia e nos mostrou: “Então, Josué falou ao SENHOR, no dia em que o SENHOR entregou os amorreus nas mãos dos filhos de Israel; e disse na presença dos israelitas: Sol, detém-te em Gibeão, e tu, lua, no vale de Aijalom.” Josué 10.12.
Explicou-nos que Josué se encontrava rodeado por inimigos e se a noite caísse, eles poderiam sobrepujá-lo. Pediu, portanto, a Deus, que o Sol parasse e ele não se pôs o dia todo. Resolvemos colocar esses novos dados nos computadores e ver se era realmente o dia que faltava e, voltando no tempo, achamos uma resposta aproximada, mas não exata. O período que faltava no tempo de Josué era de 23 horas e 20 minutos; não era, portanto, um dia inteiro conforme garantiam os computadores da NASA.
Voltamos ao livro de Josué e achamos: “E o sol se deteve, e a lua parou até que o povo se vingou de seus inimigos. Não está isto escrito no Livro dos Justos/ O sol, pois, se deteve no meio do céu e não se apressou a pôr-se, quase um dia inteiro.” Josué 10.13.
Bem, o texto bíblico confirmava que não era exatamente um dia inteiro e esse achado foi importante, mas continuávamos ainda em dificuldade, porque faltavam 40 minutos, e não podemos fazer cálculos para séculos futuros com essa diferença. Aquele evangélico lembrou-se então que em algum outro livro a Bíblia falava que o Sol havia voltado atrás. Novamente nosso primeiro impulso foi de descrédito, mas utilizando um programa específico para consultas bíblicas chegamos ao texto de 2 Reis 20.8-11: “Ezequias disse a Isaías: Qual será o sinal de que o SENHOR me curará e de que, ao terceiro dia, subirei à Casa do SENHOR? Respondeu Isaías: Ser-te-á isto da parte do SENHOR como sinal de que ele cumprirá a palavra que disse: Adiantar-se-á a sombra dez grau ou os retrocederá? Então, disse Ezequias: É fácil que a sombra adiante dez graus; tal, porém, não aconteça; antes, retroceda dez graus. Então, o profeta Isaías clamou ao SENHOR; e fez retroceder dez graus a sombra lançada pelo sol declinante no relógio de Acaz.”
Ficamos todos mudos naquele momento: dez graus são exatamente 40 minutos que, somados às 23 horas e 20 minutos do tempo de Josué, formam exatamente as 24 horas que faltavam nos nossos cálculos. Finalizaram os cientistas.