M

quarta-feira, julho 09, 2014

UM LOBISOMEM BÍBLICO




Com certeza ao ler o tema desta mensagem você deve ter ficado pasmado, talvez até achado um absurdo esta minha colocação. De fato, a primeira vista ela choca mesmo poderia um homem virar um animal? Deus permitiria tal aberração? Longe de mim, levar  você acreditar na existência dos lobisomens  mostrados nas telas dos cinemas, baseados em lendas ou em contos de fadas. Todavia, existem algumas histórias que nos mostra algo sobrenatural sobre manifestações deste tipo. Eu particularmente vi com os meus próprios olhos uma destas manifestações. A princípio quando me falaram desta pessoa eu achava que tudo não passada de uma brincadeira de mau gosto, ou na melhor das hipóteses muito exagero daquelas pessoas que falavam que havia uma pessoa naquele estado; e como eu sei que você está curioso para saber desta história eu vou logo contar:  eu trabalhei por muitos anos no aeroporto de Guarulhos em são Paulo, e por muito tempo ouvi falar de uma mulher “cachorro”, e como  já falei antes, achei que tudo não passava de uma brincadeira. O fato é  que em uma certa noite eu estava passando de carro em uma das portarias do aeroporto e vi próximo a portaria de acesso, o que de longe parecia uma (matilha) ou seja, um grupo de cães; mas ao me aproximar, e ainda bem que eu estava dentro do veículo, eu percebi que havia uma criatura deferente entre os cães; não vou afirmar que ela tivesse presas para fora da boca; olhos de fogo, não , nada disso. Porém o seu aspecto era totalmente sombrio e muito, mas muito, semelhante ao dos cães que estavam em sua volta, a coisa era tenebrosa mesmo. Depois eu me informei sobre a  história daquela jovem. É uma história muito triste, de como ela chegou a este estado tão deplorável. Eu não irei narrar aqui para que esta mensagem não se torne muito extensa e não perca o foco o qual  é mostrar a soberania de Deus contra a arrogância do homem.
Tanto para a história desta moça como para uma história da bíblia que narraremos logo a seguir; o que provavelmente aconteceu é algo que é descrito em muitos meios como a da psiquiatria; psicologia e outros meios, como “ LICANTROPIA” que é algo que acontece na mente da pessoa afetada que a leva crer piamente que ela seja um animal, seja por exemplo: um cão; um lobo; uma cobra e etc. todavia, eu particularmente, acredito que em ambos os casos, seja algo de ordem espiritual, ou seja, possessão demoníaca mesmo.
Mas enfim, vamos a mensagem de fato. Aonde iremos tomar por base o livro de Daniel , mas precisamente todo o capitulo quatro.
A bíblia nos conta nesta passagem, que o rei  Nabucodonosor teve um sonho, o qual lhe deixou muito assustado, e ele rapidamente chamou a sua presença todos os sábios da babilônia para que lhe dessem a interpretação de tal sonho, porem, foi em vão, pois eles não obtiveram nenhum êxito nisso.  Foi ai então que o rei mandou chamar a Daniel para que lhe desse a interpretação, todavia, o rei ao ouvir a interpretação do sonho dada por Daniel, simplesmente a ignorou e seguiu com sua vida normal como antes, mas ao passar uma ano do seu encontro com Daniel; Deus enviou  a sentença descrita no sonho, vejamos o texto: 

“ Mas tudo isso acabou acontecendo mesmo ao rei Nabucodonosor. Um ano depois do sonho, ele estava passeando, pelo terraço do palácio real, dizendo, cheio de orgulho: "Eu mesmo, com o meu grande poder construí esta bela cidade de Babilônia para ser minha casa, a capital do meu grande império". Ele ainda estava falando quando ouviu uma voz, que vinha do céu: "Rei Nabucodonosor, esta mensagem é para você: Você já não é o rei deste grande império! Você será expulso do seu palácio e vai viver cm os animais do campo; vai comer capim como os bois durante sete anos, até compreender que Deus é quem domina sobre os reinos da terra e os entrega a quem Ele mesmo quer. E naquela mesma hora a profecia se cumpriu. Nabucodonosor foi expulso do seu palácio e passou a comer capim como os bois. Vivendo ao ar livre, ficou molhado com o orvalho da noite. Seu cabelo cresceu como penas de águias e as suas unhas ficaram enormes como unhas de pássaros”. Daniel 4;28-33.

Observem, que, até aqui já houve uma mudança física no corpo do 
rei, seus cabelos e as suas unhas mudaram o aspecto humano e até 
seu habito alimentar foi mudado, ele passou a comer ervas 
igualmente aos bois. Se parasse por ai, já seria totalmente 
sobrenatural. Mas a história vai adiante; veremos agora no próximo 
versículo que sua mente foi modificada: 

 “ao fim daqueles sete anos, eu, Nabucodonosor, olhei o Céu, minha mente voltou a funcionar como mente de homem, e eu louvei e adorei o Grande Deus, e dei glória Àquele que vive para sempre, cujo domínio é eterno e cujo reino dura para sempre”. Versículo 34.


Vejam o que ele afirma, que só após sete anos sua mente  voltou a 
ser igual a mente humana.
Então amados, em síntese, o que podemos afirmar é que houve não 
só uma mudança física, mas também uma mudança psicológica, e 
por que não afirmar espiritual, na vida desse homem.
Agora a questão é por Deus permitiu, ou melhor, determinou tal 
sentença na vida do rei Nabucodonosor? A resposta é: o rei havia 
se exaltado; havia se tornado uma pessoa soberba e arrogante, pois antes de tudo isso acontecer ele não reconhecia que tudo aquilo que ele era e o que ele possuía era lhe dado por Deus. Mas , finalmente 
após os setes anos a misericórdia de Deus lhe alcança e lhe restitui 
tudo de volta, vejamos os versículos 36 e 37:

“Quando minha mente voltou ao normal, recebi de volta a minha honra, o meu poder e o meu reino. Meus conselheiros e auxiliares me procuraram e fui novamente proclamado rei, com muito mais honra do que antes. Por isso, agora, eu, Nabucodonosor, louvo, glorifico e honro o Rei do Céu, o grande Juiz, porque todos os seus atos são justos e bons. Ele pode humilhar os orgulhosos, fazendo-os arrastar-se no pó”.


Finalizando, queridos irmãos, devemos sempre tomar cuidado de não tomarmos para nós a gloria e  honra que só pertence a Deus; por mais que cresçamos e venhamos ser grandes arvores como o rei desta história, lembre-se que Deus não divide a sua gloria com ninguém, veja o que diz em Isaías 42;8a :

Eu sou o Senhor! Este é o meu nome e Eu não reparto a minha glória com ninguém”.